Queijos Artesanais

Conheça nossa variedade escolhendo pelo tipo de leite, selecione abaixo.

Tipo Pont L'Évêque - 300g

Código Interno: 0330

Pont L'Évêque
Pont L'Évêque

Por: R$23,50

Em Estoque

ATENÇÃO: Produto vendido por unidade mas cobrado por quilo. O valor acima representa o preço médio de uma peça.

De origem francesa, o Pont L'Évêque é um queijo de leite de vaca tradicional da região da Baixa Normandia, sendo maturado por 2 semanas.

O Pont L'Évêque é um queijo mole de textura cremosa, de cor amarela pálida e com casca lavada de cor amarelada. Possui um sabor encorpado, e um aroma de fruta creme e frutas secas, bem como o característico aroma dos queijos de casca lavada.

O queijo Tipo Pont L'Évêque Serra das Antas é um queijo pequeno e quadrado, com aproximadamente 10cm, e pesando em torno de 300g, com validade de 60 dias (2 meses).

Assim como todos os queijos, o Pont L'Évêque deve ser conservado refrigerado em temperatura máxima de 8°C.

Alergênicos: Contém Leite.

Não Contém Glútem.

Obs.: Este queijo possui sua denominação de origem protegida. Deste modo, por se tratar de um queijo produzido no Brasil, deve apresentar a denominação "Tipo" antes de seu nome.

Pont L’Évêque é um queijo francês. Acredita-se que seu nome deriva de “mosteiro normando” na Normandia (Normandie), França, onde era principalmente produzido durante o século doze. Este queijo também é conhecido como queijo Moyaux. 

Provavelmente um dos queijos mais antigos daquela região, Pont L’Évêque era chamado de d’Angelot durante dias antigos. Feito de leite bovino, este queijo é fabricado ao longo do ano.

Informação Nutricional (?)

85kcal . . . . . . . . . . . . . . 4%
0g . . . . . . . . . . . . . . . . . 0%
6,2g . . . . . . . . . . . . . . . . 8%
6,7g . . . . . . . . . . . . . . . 12%
4,4g . . . . . . . . . . . . . . . 20%
0 . . . . . . . . . . . . . . . . . . -
0g . . . . . . . . . . . . . . . . . 0%
210mg . . . . . . . . . . . . . . .9%
143mg . . . . . . . . . . . . . .14%

A embalagem do queijo lhe permite continuar maturando, mesmo sob refrigeração, então deguste-o em diferentes estágios da maturação para determinar o “ponto” ideal para o seu paladar. 

Tire-o da refrigeração e da embalagem uma hora antes de servi-lo, isto suavizará o aroma da casca, dará à massa a consistência adequada e liberará os seus melhores sabores.

Consuma-o, com ou sem casca, acompanhado por uma bela “baguette” crocante. Numa tábua de queijos, pode ser combinado com Camembert, Saint-Marcellin, Gorgonzola dolce, figos secos, avelãs e amêndoas.

 

Procure harmonizá-lo com vinhos tintos encorpados e longos, se preferir brancos, experimente os que passaram por barrica de carvalho. 

 

            Possuindo um sabor mais acentuado, aroma marcante e uma massa macia e untuosa, combina bem com cervejas de malte torrado, devido ao seu presente amargor. Dê preferência às Ales, em especial as Pale Ales, Strong Golden Ales e Amber Ales, algumas cervejas trigo com sabor mais pronunciado, como algumas Weizenbier (ou Weissbier) ou uma Weizenbock ou mesmo uma Pilsner (ou Pilsen) mais encorpada. 

Sempre o conserve refrigerado (entre 3 e 10°C). Quanto mais alta a temperatura de conservação mais rápida e intensa será a maturação.

Para evitar ressecamento da casca, acomode-o em recipiente tampado, isto também evitará que o queijo transfira ou receba aromas dos outros alimentos.

Ao abrir a embalagem procure conservar o papel parafinado para reembala-lo se necessário, na impossibilidade disto, reembale-o em filme de PVC esticável. Recomenda-se consumi-lo em até sete dias depois de aberto, mas se bem embalado e refrigerado, certamente este prazo poderá ser estendido. Lembre-se que o queijo continuará maturando.

Só o congele em último caso, preferencialmente com o queijo já bem maturado. Depois de descongelado consuma-o completamente, certamente haverá mudança na consistência da massa. A conservação após o descongelamento não é boa.

Processando...