Queijos Artesanais

Conheça nossa variedade escolhendo pelo tipo de leite, selecione abaixo.

Parmesão - 480g

Código Interno: 0271

Por: R$44,80

Em Estoque

ATENÇÃO: Produto vendido por unidade mas cobrado por quilo. O valor acima representa o preço médio de uma peça.

De origem italiana, o Parmesão é um queijo de leite de vaca muito produzido nas províncias de Parma, Régio da Emília, Módena, Bolonha e Mântua, maturado por no mínimo 1 ano.

O Parmesão é um queijo duro de textura firme e densa, de cor de palha e com casca natural. É um queijo muito saboroso, possuindo um sabor que lembra nozes, um pouco frutado e forte, assim como um aroma forte e marcante.

O Parmesão Serra das Antas é um queijo grande e redondo, com aproximadamente 40cm de diâmetro, e pesando em torno de 18kg. Também é vendido em cunhas de 480g com validade de 120 dias (4 meses).

Assim como todos os queijos, o Parmesão deve ser conservado refrigerado em temperatura máxima de 8°C.

Alergênicos: Contém Leite.

Não Contém Glútem.

Assim como muitos outros alimentos, o Parmesão tem seu nome devido à sua região de origem. Foram os monges da região de Parma que começaram a produzir um queijo de casca dura distinto durante a idade média. Durante a Renascença, a própria nobreza estava produzindo este queijo para compor suas mesas.

No início do século 14, o queijo Parmesão já tinha viajado de sua região de origem de Parma-Reggio sobre as montanhas até a Toscana, onde navios partiam para outros portos no Mediterrâneo. O primeiro documento que faz refereância ao Parmesão data de 1254 documenta um acordo em que uma mulher nobre trocou sua casa por um suprimento anual de 24Kg deste queijo.

A história imortalizou o uso do Parmesão como um condimento para temperar massas através de um conto de Boccaccio sobre um local paradisíaco onde havia uma montanha de Parmesão de onde os cozinheiros rolavam macarrão para cobrí-los deste queijo.

Do século 17 ao 19, o nome Parmesão se tornou mais comum devido às estreitas relações entra as nobresas de Parma e da França, a partir da qual o termo se espalhou para outros países.

Informação Nutricional (?)

130kcal . . . . . . . . . . . . . 6%
0g . . . . . . . . . . . . . . . . . 0%
12g . . . . . . . . . . . . . . . .15%
9,3g . . . . . . . . . . . . . . . 17
5,6g . . . . . . . . . . . . . . . 26%
0 . . . . . . . . . . . . . . . . . . -
0g . . . . . . . . . . . . . . . . . 0%
327mg . . . . . . . . . . . . . . 14%
360mg . . . . . . . . . . . . . . 36%

A embalagem a vácuo é utilizada para estender ao máximo as características do queijo como sai das câmaras de maturação, evitando o ressecamento e o crescimento de alguns mofos naturais. O aparecimento de alguns mofos sob a embalagem não significa que o queijo esteja estragado, indica apenas que o vácuo não foi suficiente para inibir completamente o desenvolvimento destes, basta raspar estes mofos e consumir o queijo normalmente. Esta embalagem não impede que ele mature e mude as suas características com o passar dos dias. 

Tire-o da refrigeração e da embalagem uma hora antes de servi-lo, isto dará à massa a consistência adequada e liberará os seus melhores sabores, facilitando o derretimento se for o caso. 

Numa tábua de queijos, pode ser combinado com Camembert, Saint-Marcellin, Gorgonzola dolce, avelãs e nozes.

Tem melhor harmonização com vinhos brancos frescos e minerais, como alguns da “Savoie” ou um Bordeaux.

Devido ao maior teor de gordura destes queijos, buscam-se cervejas com boa presença dos sabores de malte, teor alcoólico levemente elevado e suave doçura. Cervejas do tipo Bock, ou algumas Ales, como uma Pale Ale, Blond Ale, Brown Ale, ou uma Strong Golden Ale, ou mesmo uma Weizenbock de trigo, permitem uma boa harmonização. 

Sempre o conserve refrigerado (entre 3 e 10°C).

Após aberto recomenda-se consumi-lo em até 7 dias, pois fora da embalagem a vácuo poderá ocorrer o crescimento de leveduras e mofos naturais. Note que este produto não contém conservantes. Se necessário reembale-o em filme de PVC estirável. Caso ocorra crescimento de mofos sob a película plástica, basta raspar ou retirar com a casca.

Para evitar ressecamento, acomode-o em recipiente tampado, isto também evitará que o queijo transfira ou receba aromas dos outros alimentos.

Só o congele em último caso. Depois de descongelado consuma-o completamente, certamente haverá mudança na consistência da massa. A conservação após o descongelamento não é boa.

Processando...